Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2011

"Fundão"

Hoje fui de novo ter com a rapaziada do Continente. O Álvaro esperou por mim, junto à minha garagem e, ambos fomos a encontro da malta. Eu, Álvaro, Joaquim Cabarrão, Fernando, Micaelo, Joaquim e o regressado Dino, fomos os protagonistas da "pedalada" de hoje. Saímos como é habitual, já depois das 08h00 e fomos até ao Fundão tomar o cafézinho da manhã, na Pastelaria da Dª. Manuela, hoje ausente, ou não a vi!! No regresso, viémos pelo Souto da Casa e parámos na fonte do Vale D'Urso, para atestar bidons com aquela belíssima, fresca e saborosa água. Segundo informação do homem que se encontrava na hora há parte de cima da fonte, aquele caudal ainda se encontra a debitar 35 litros/minuto. É para mim paragem obrigatória. Mesmo que não necessite de água, mudo a que tenho nos bidons. Continuámos seguidamente a subir até ao alto da Paradanta, onde em pedalada rápida, chegámos ao Casal da Fraga e logo S. Vicente da Beira. A partir dali, as dificuldades tinham terminado, apenas a curta sub…

"Fratel"

Quando hoje, cheguei ao parque de estacionamento do Continente, já 5 companheiros ali se encontravam perfilados em pose, tipo militar. Depois de cumprimentar a malta, esperámos ainda algum tempo e mais três se juntaram ao grupo. Hoje definiu-se ir fazer uma visita ao Fratel e eu, Joaquim Cabarrão, Fernando, Joaquim, Jorge Palma, Filipe, Marco, Leandro e o miudo da Carapalha, cujo nome agora não recordo, lá partimos para a tirada de hoje. Passada a zona industrial, o andamento aumentou substancialmente e assim se manteve até final. Seguimos por Sarnadas e Alvaiade, onde surgiu a primeira dificuldade do dia, a subida para o alto de Perdigão. Passada a localidade, continuámos até ao Fratel, onde desta vez parámos no café junto à igreja, para a "cafézada" matinal. Acho que quase toda a rapaziada ficou com um amargo na boca, derivado à má qualidade do café, ou apenas porque estava queimado. Mas lá que sabia mal, sabia!!! No regresso, variámos um pouco e tomámos a direcção de Vilas Ru…

"XIII Raid AC - Trilhos e Aventuras"

À terceira, foi de vez!!! Este meu raid, teve que ser adiado duas vezes, derivado às más condições meteorológicas. Neste domingo, onze companheiros aderiram a esta minha iniciativa de ir pedalar por alguns dos mais belos trilhos da Sierra de Gata. Eu, Silvério, Pedro Barroca, Nuno Eusébio, João Caetano, Luís Lourenço, Luís Cabaço, Luís Bandeiras, Domingos Ladislau e um amigo, e Tiago, tambem com um amigo, cujos nomes se me "varreram" e por isso peço desculpa, foram os protagonistas deste meu "XIII Raid AC - Trilhos e Aventuras. Juntámo-nos pelas 06h30 e rumámos ao cruzamento da Fatela, a seguir à bonita povoação de Hoyos, deixando as viaturas estacionadas junto ao restaurante ai existente, agora fechado. Depois dos preparativos da praxe, fizémo-nos aos trilhos. Grupo animado, apesar do calor que já se fazia sentir e que viria achegar aos 40º. Poucos kms depois, entrámos em Villasbuenas de Gata, sem paragem e continuámos em direcção à base do monte onde se situa Santibañez el A…
Hoje, fui ter com a rapaziada do Continente, para a voltinha habitual de sábado. Juntámo-nos oito companheiros de pedaladas: Eu, o Silvério, o Joaquim Cabarrão, o Jorge Palma, o Leandro, o Filipe, o Paulito e o Marco. Depois da já "institucionalizada" indecisão para definir percurso, alguém "aventou" uma ida a Vila Velha de Rodão. Lá partimos da rotunda, pelas 08h15, em direcção a Vila Velha de Rodão. Passámos Sarnadas e continuámos em direcção a Alvaiade. Para não ser sempre igual, desta vez continuámos até ao Perdigão, onde virámos à esquerda para Vilas Ruivas, passando ao cruzamento. Seguiu-se a bonita descida para Vila Velha de Rodão, onde podemos "mirar" à nossa direita a altaneira Torre de Atalaia do Rei Wamba e, já na parte final da descida, a magnífica visão das Portas de Rodão e Vila Velha de Rodão, ali banhada pelas àguas calmas do Rio Tejo. Fomos até à Padaria na Zona Industrial beber o cafézinho matinal, para depois irmos dar uma espreitadela no rec…

"Passeio Ibérico"

Hoje, era dia de aumentar um pouco a quilometragem. Delineei um percurso ibérico e com alguma componente de dificuldade. Acompanharam-me nesta pequena aventura, o Silvério e o Pedro Barroca, dois companheiros sempre em "pulgas", para tudo o que seja alargar um pouco os horizontes. Logo pelas 07h00 carregámos as "fininhas" na minha ramona e rumámos ao cruzamento das Águas, na N.233, deixando a viatura no parque do Restaurante local. Saímos pelas Águas e tomámos a direcção das Aranhas, passando pela Aldeia do Bispo, onde tomámos o cafézinho matinal, no Café das Bombas, seguindo-se a Aldeia de João Pires. Nas Aranhas, virámos à esquerda para Espanha, passando pelo Parque de Campismo do Freixial e pelo Santuário de Nª. Sra do Bom Sucesso, efectuando a segunda paragem à entrada de Valverde del Fresno, na fonte do parque de Merendas, junto à estrada. Passámos a povoação e mais à frente, virámos para Eljas, pitoresca aldeia já nossa conhecida do 1º. Raid de Btt da trilogia da …